Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘silêncio’

o que as letras soltas – perdidas no branco do papel – não ousam, talvez a boca [na boca] cale por si.
deito e fito no teto um silêncio – possível – em que tudo pode ser dito: na língua do beijo, no diálogo do
abraço. texto com tato e gosto. de grito.

 
Valéria Tarelho

publicado no Livro da Tribo 2012/2013, Ed. da Tribo

Anúncios

Read Full Post »

mundo

no mais
ab
surdo
silên
cio
h
ouve
tudo

 

 

valéria tarelho

Read Full Post »

silêncio

a não palavra
o tudo – mudo –
reticência que trava
todo acesso
obstrui o trato

texto tácito
que flui e não
cessa
em si

em Escritoras Suicidas
ed. 34 | abril / 2009

Read Full Post »

inviolável

se sua boca
silencia
a minha grita

louca pelo sopro
de seu sim
ou o soco
de seu não

[serve até o som
de seu nem aí]

um saco
esta seca – intrínseca –
e seu lábio ao lado

selado a vácuo

em Escritoras Suicidas
ed. 34 | abril / 2009

Read Full Post »

prefiro o gesto, à palavra
sou mais o não dito, subentendido
no jeito mundo que ele me toca

me toca fundo
essa cena muda

me deixa úmida
in loco

no livro D.N.A.,
edição da autora e do Fanzine PNOB, 2005

em Escritoras Suicidas, ed. 07 | jun / 2006

em Germina Literatura – raros

Read Full Post »

não conto tudo
às paredes do meu quarto
que me dão tanto crédito
nem dou desconto
ao criado-mudo
que compra meus segredos
(os mais absurdos)

acho um preço justo:
o que peço
e que pago
por um silêncio
trocado

há portas
que por importância alguma
abro

valéria tarelho

musicado por Rogerinho Borges

 

Read Full Post »